No âmbito das comemorações do Dia Internacional do Idoso, partiu hoje, para os Açores, uma comitiva de idosos, acompanhada pelo presidente do Município.

A iniciativa, organizada pelo Gabinete de Apoio ao Idoso, contou com uma forte adesão dos munícipes, que não quiseram perder a oportunidade de conhecer o arquipélago vizinho.

Para o presidente Emanuel Câmara, “os idosos são aqueles que merecem a melhor atenção do meu executivo. Hoje são idosos, mas ontem, enquanto jovens, foram aqueles que fizeram do Porto Moniz o que é agora”. Prosseguiu informando que continuará a aposta na qualidade de vida do idoso no município, e é através da criação, por parte do executivo socialista, do Gabinete de Apoio ao Idoso, que se consegue mais facilmente compreender e dar resposta às necessidades do dia-a-dia daqueles cuja idade impõe algumas limitações. O GAI é, num concelho com a população maioritariamente envelhecida, uma aposta ganha que conta já com cerca de 640 inscritos. Através do programa “Vida +”, existe uma aposta clara no combate ao sedentarismo, quer com a oferta de aulas de atividade física e hidroginástica, quer com a organização de caminhadas intergeracionais. Foi ainda criado o cheque farmácia, no valor de €120 anuais para o apoio à compra de medicamentos.

O GAI disponibiliza ainda, todos os dias, uma equipa composta por uma socióloga, uma psicóloga, uma enfermeira e uma assistente social que acompanham os idosos nos mais diversos contextos e em visitas domiciliárias,auxiliando-os e realizando um diagnóstico constante e pormenorizado das suas necessidades. O autarca diz que “estas são as medidas a que todos os idosos, mesmo fora do Porto Moniz, deveriam ter direito. É a governação de proximidade e sempre pelas pessoas, pois sem elas, nenhum mandato faria sentido. Enquanto autarcas com responsabilidades, devemos sempre servir as pessoas e nunca servirmo-nos das pessoas”, terminou.

Num programa de três dias, estão agendadas deslocações aos pontos mais importantes da ilha de S. Miguel, com destaque para a visita à Lagoa das Sete Cidades, ao Parque Terra Nostra e às Furnas, incluindo-se a degustação do típico cozido.

Devido à significativa afluência, a Câmara Municipal do Porto Moniz, distribuiu os idosos inscritos  por dois grupos, repetindo o mesmo programa entre os dias 21 e 23 de outubro.

Esta localidade pitoresca, pertencente ao concelho do Porto Moniz, dotada de uma paisagem que se estende do mar à serra, apesar dos evidentes problemas de desertificação, decorrentes da redução da natalidade e dos surtos emigratórios, apresenta motivos para uma visita, destacando-se o seu teleférico, através do qual se tem acesso ao Calhau das Achadas, uma fajã de beleza ímpar.

António Correia, Presidente da Junta de Freguesia das Achadas da Cruz, apesar de estar ciente dos problemas com que se debate a sua freguesia, não deixa de vincar o esforço que a Câmara

Municipal do Porto Moniz tem vindo a desenvolver no sentido de apoiar esta freguesia nas mais variadas vertentes.
Para assinalar a data, a Junta de Freguesia organizou um programa que terá o seu início pelas 15 horas, com uma missa, seguindo-se a sessão solene, eventos nos quais o Presidente da Junta e o seu executivo contam com a presença das entidades convidadas, mas também da população da freguesia.

A encerrar as comemorações, terá lugar um convívio que, no entender do Presidente da Junta, será um momento de “franca convivialidade” e uma forma de ajudar a população a manter as suas tradições.

Depois de ter sido, no ano passado, o município com os impostos mais baixos da região autónoma da madeira, o executivo socialista eleito no município do Porto Moniz prepara-se para aprovar, em reunião de câmara, um pacote de medidas fiscais que visa aliviar a carga fiscal sobre as famílias portomonizenses.

Segundo o presidente do Município, Emanuel Câmara, este é o dever de uma câmara e daqueles que governam pelas pessoas, e apesar das dificuldades os munícipes não devem ser vistos como números, e no Porto Moniz existe um compromisso para a diminuição dos encargos dos munícipes.

A primeira medida deste pacote de descontos fiscais vai para a taxa de IMI, que se manterá nos 0,3%, o mínimo permitido pela Lei Portuguesa.

A segunda medida reside na aplicação do IMI familiar que permite, às famílias com filhos, descontos acrescidos ao IMI na taxa mínima. Assim, para uma família que tenha um filho, é concedido um desconto de €20 no total de IMI anual a pagar. Para uma família com dois filhos o desconto é de €40 e para famílias com 3 ou mais filhos o desconto é de €70. Esta medida, que aplica os descontos máximos previsos no IMI familiar, fazem do Porto Moniz um dos poucos concelhos da Região a aplicar este benefício aos seus munícipes.

A última medida do pacote hoje aprovado em reunião de câmara pelo executivo socialista assenta na devolução da totalidade do IRS aos munícipes. As autarquias podem optar por ficar com uma percentagem da coleta do IRS para reforçarem os seus orçamentos ou por abdicar desta, devolvendo-a ma totalidade aos munícipes. Desta forma, e depois do executivo liderado por Emanuel Câmara ter abdicado desta verba, de cerca de €30.000, nos dois anos anteriores, a medida é para manter pois, segundo o edil, ao prescindir daquele valor em prol dos habitantes do Porto Moniz, está-se a contribuir também para um incremento na economia local.

A Praia do Porto de Abrigo do Seixal, no Porto Moniz, reuniu hoje diversas entidades na apresentação à imprensa da 4ª Etapa do Circuito Regional de SUP (Stand Up Paddle). Na ocasião, marcaram presença o presidente do Município do Porto Moniz, Emanuel Câmara, o presidente da Associação de Surf da Região Autónoma da Madeira, Pedro Lacerda, e ainda o presidente do Clube Naval do Seixal, Alexandre Andrade.
Pedro Lacerda começou por lembrar que esta é uma das provas mais emblemáticas da modalidade na região, não só por ser uma das que figura há mais tempo no circuito, mas também por toda a envolvência que esta oferece. Anunciou ainda a inscrição de cerca de 60 atletas, numa modalidade que conta já, na Madeira, com diversos campeões nacionais, nos mais variados escalões, e que figuram inclusive em provas do circuito mundial.
Emanuel Câmara reforçou a aposta do seu executivo nas diversas iniciativas desportivas que consagram o Porto Moniz como a Capital Regional do Desporto Outdoor e fazem do Município uma referência no apoio e organização de eventos nas mais variadas modalidades. Relembrou que estes investimentos, além de dinamizarem a economia local, promovem o Porto Moniz e, em simultâneo, toda a costa norte.
O edil, num convite a todos os amantes e simpatizantes da modalidade, ressalvou as caraterísticas ímpares que a praia do Seixal oferece, não apenas para a organização deste tipo de iniciativas, mas também para todos aqueles que queiram ali passar um dia em família, com qualidade e segurança.
A prova tem lugar na Praia do Porto de Abrigo do Seixal, no próximo sábado, dia 29, tendo início com o check-in às 14h30, realizando-se a primeira prova pelas 15h00.
A entrega de prémios decorrerá pelas 18h30.

Partilhar