Freguesias











Freguesia das Achadas da Cruz

Área: 10 km²

População: 159 habitantes (Censos 2011)

Densidade populacional: 20,2 hab/km²

Distância ao centro do Município: 9,8 km

Executivo

Pedro Gonçalves Ponte
Cargo: Presidente
Atendimento ao público: Mediante marcação prévia
Siga-me no facebook


História

As Achadas da Cruz é uma freguesia situada entre a Ponta do Pargo e o Porto Moniz, tendo como curiosidade a distância da Ponta do Pargo e do Tristão que é relativamente igual. Esta curiosidade deu o mote para a primeira exploração efetuada por João Gonçalves Zarco e Tristão Vaz através da costa marítima, e que resultou na divisão da Madeira em duas capitanias sendo o outro limite a Ponta da Oliveira.

Esta freguesia confina a sul com a Ribeira da Cruz que a divide da Ponta do Pargo, a oeste com o oceano, a norte com a Ribeira do Tristão e que a separa da freguesia do Porto Moniz e a leste com as serras da freguesia do Porto Moniz.

Os terrenos que constituiriam a futura paróquia das Achadas da Cruz ficaram sobre a alçada da capitania do Funchal.

Atualmente, esta freguesia pertence ao concelho do Porto Moniz mas aquando da extinção deste concelho por duas vezes, em 1849 e em 1895, passou esta freguesia a fazer parte do concelho da Calheta.

Tendo sido entregue as terras de sesmarias que abrangem as Achadas da Cruz a Garcia Rodrigues da Câmara, seria este então o seu primeiro povoador.

As Achadas da Cruz dividem-se nos seguintes sítios povoados: Achada da Arruda, Cova, Igreja, Pinheiro, Achada de Castro, Lombo do Simão e Terça. Com menor relevo temos também a Quebrada do Negro, Quebrada Nova, Fajã Nova, Fajã das Malvas, Pomar Velho, Pico da Azeveda, Risco, entre outras.

Nunca ficou provado de que o nome seria originário dos tempos da colonização, mas provavelmente seria resultado de uma capela que foi edificada no terceiro ou último quartel do século XVI, que teve a invocação de Vera Cruz e de que devido a uma tendência simplificadora de linguagem dos habitantes locais abreviassem para o monossílabo Cruz. Desta forma, a capela da Cruz deu nome ao lugar ou achada em cujas proximidades foi construída.

O nome Achada é originário da abundância de salvados do mar, onde na zona ribeirinha desta freguesia, existe uma considerável fajã, onde de forma generalizada ainda hoje arrebatam muitos despojos à costa.



Heráldica

A cruz latina de ouro pretende evocar o topónimo da freguesia e recordar a memória da primitiva capela da vera cruz que lhe serviu de berço.

As faixas ondadas de prata aposta no campo azul do escudo simbolizam a Ribeira do Tristão e a Ribeira Cruz que constituem os Limites naturais da freguesia.

A coroa mural e de prata com três torres é a que está estabelecida para a categoria de freguesia.





Atividades Económicas

Agricultura, agro-pecuária e artesanato (trabalhos em vime).



Festas, Romarias e Orago

Nossa Senhora do Livramento (1 de Maio).



Património e Pontos de Interesse

Capela de Nossa Senhora do Livramento

Jardim Padre Câmara

Teleférico e Calhau das Achadas

Levada do Moinho

Vereda do Calhau das Achadas

Quebrada do Negro e Quebrada Nova

Levadas do Moinho



Contactos

Junta de Freguesia das Achadas da Cruz
Sítio da Igreja
9270-013 Achadas da Cruz
+351 291 853 378



Partilhar